QUANTIDADE DE CARGA ENTRANDO NO PAÍS POR PORTOS, AEROPORTOS E FRONTEIRAS SECAS EM 2019
  • Quilos
  • Milhares
  • Milhões
  • Bilhões
 

Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil (RFB) participaram no último sábado, dia 17, no âmbito da Operação Fronteira Integrada, de ações conjuntas com o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) e o Exército Brasileiro que resultaram na retenção de pneus e caixas de cigarros no estado do Paraná.

A primeira ação ocorreu por volta das 11h30, quando as equipes deflagraram um depósito de pneus contrabandeados em uma borracharia localizada na BR-277, em Foz do Iguaçu/PR. No local, as equipes apreenderam cerca de 19 pneus de caminhão.

Os pneus foram avaliados em R$ 10 mil. Ninguém foi preso, mas serão enviadas representações fiscais para fins penais ao Ministério Público para apuração dos ilícitos.

A segunda ação ocorreu no período da tarde no Posto de Fiscalização da Receita Federal, em Medianeira/PR. Os fiscais abordaram diversos veículos para inspeção de bagagens, um deles estava carregado com aproximadamente mil pacotes de cigarros contrabandeados. O condutor e o passageiro foram presos e os cigarros avaliados em R$ 48 mil.

Todas as mercadorias foram encaminhadas à Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu/PR.

A Receita Federal disponibiliza um telefone de contato para denúncias, de forma anônima, por meio do número (45) 9 9152-2036.

A Operação Fronteira Integrada está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto 8.903/2016, e tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalização atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros. (Com informações da Assessoria de Comunicação da Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu/PR)