Analistas-Tributários da Inspetoria da Receita Federal no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza/CE, em operação conjunta com a Polícia Federal atuaram na apreensão de 6,450 Kg de skunk nesta segunda-feira (18).

A droga estava na mala de uma passageira que veio em voo doméstico procedente de Guarulhos/SP. A droga foi localizada durante rotina de fiscalização, quando a mala da da passageira passou no escâner da Receita Federal. Já avisada, a Polícia Federal seguiu a passageira e apreendeu a droga num carro de luxo, culminando na prisão de 5 pessoas.

Analistas – Tributários em ação

Como atividade essencial à proteção da sociedade e do Estado, os Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil que atuam na Aduana mantêm a rotina de trabalho nos postos de fronteira terrestre, aeroportos e portos de todo o país.

Inclusive, os Analistas-Tributários reforçaram sua atuação para contribuir com a sociedade nesse momento, reafirmando o objetivo de garantir controle aduaneiro nas atividades de importação e exportação e, principalmente, assegurar a realização das atividades de fiscalização, vigilância e repressão, mesmo durante a pandemia de coronavírus.